Seiva

Chuva, cheiro, terra
Em brancas imagens
Estrada, asfaltos cinza
Lagos, alagados, orvalhos

Tudo remete ao elemento
Onde o sexo se vinga
Do céu a água e no
solo o orvalho

Na terra o cheiro o qual
todos sorriem, todos gostam
A mais perfeita fecundação
enquanto o suor doce evolve
da terra o naso
de nós a nós mesmos
no orgasmo do trovão.

Ana Luiza Pereira

Queria fazer mais


Queria conseguir agradecer a altura por tudo o que você fez e faz por mim em todos esses anos. Queria poder te dar o travesseiro mais confortável do mundo para que você pudesse recuperar todas as noites de sono que passou preocupada comigo. Queria poder te dar dias mais divertidos para compensar as lágrimas preocupadas com os mais alegres dos seus sorrisos. Queria poder encher sua cama de rosas para poder compensar o carinho que me dá com um pouco mais de carinho e atenção. Queria poder comprar um SPA inteiro para compensar as dores que você sentiu por mim. Queria ao menos poder te dar todas as rosas do mundo para conseguir te agradecer por ser o meu ouvido, o primeiro nome que chamo quando sinto medo ou dor. Queria tantas coisas... Queria ao menos demonstrar um pouco mais do meu amor por você, por mais que ele seja tão menor que o seu. Queria tanto poder te agradecer por tudo... Principalmente por ser meu exemplo de mulher. Eu te amo, mãe! Obrigada!

Ana Luiza Pereira
Feliz dia das mães à todas as mães do mundo!