Uma pedra no meu coração


Havia uma pedra amarga no meu coração,
Uma pedra no meu caminho.
Uma pedra pesada para os meus braços fracos carregar,
Dura para meus pés sensíveis chutar...
Quase uma rocha.
Uma pedra que faziam meus olhos secarem
De ódio e de lágrimas.
Uma pedra.
Uma pedra que me fazia querer gritar,
Mas ninguém poderia saber daquela pedra ali.
Não sabia como contornar a pedra e deixá-la para trás,
Então, sentei-me e escrevi este poema.
Um poema que seque as lágrimas que não posso chorar
E ouça os gritos que não posso dar.
Ninguém pode saber dessa pedra que pesa em meu coração.
Quando eu souber tirar essa pedra do meu caminho,
Poderei seguir em frente sem nada a temer.
Mas, preciso crescer um pouco mais para isso...
Então, sento na pedra e espero o tempo passar olhando para a mesma.
A solução vai vir... 
Tantas pedras no caminho não me abateram,
Por que seria tão especial para me abater?
Tempo, 
Mostre-me a solução para retirar a pedra no caminho do meu coração!

Ana Luiza Pereira

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta, por favor!