Um simples poema

"Olá Vencedor!
Como está?"
Meus cumprimentos a você.
Com um sorriso nos lábios de te ver,
apesar dos cabelos a menos que me faz arrancar.
"Chato! Feio! Irritante! Implicante! Bobo!"
Duas crianças implicando para arrancar o sorriso da outra.
Assim, ao final do dia, com todo o cansaço, um se apoia no outro.
Faço do teu ombro meu mais querido travesseiro,
suavemente, pegando sua mão para dizer:
"Eu estou aqui!"

Ana Luiza Pereira

1 comentários:

Postar um comentário

Comenta, por favor!