Bodas de renda


Já li em algum lugar que, pra mulher, amizade é mais importante que o casamento. De fato, isto para mim é uma verdade. Mulheres precisam de amigas para sair e espairecer suas cabeças cansadas da vida rotineira, ou quando confusas pelos sentimentos, ou quando tristes... Mulheres solitárias (quando digo sozinhas, quero dizer sem amigos verdadeiros que confie de fato) são dignas de pena, pois com quem elas falarão seus problemas? Por mais que não queiram opinião de ninguém, o simples ato de falar o que aflige já melhora a dor que ela carregava em seu coração.

Comparemos: bodas de casamento e bodas de amizade. Nas bodas de casamento, os casais trocam presentes e carícias. Quando casados a muito tempo, fazem um jantar entre família e amigos mais chegados. Nas bodas de amizade, as amigas saem, vão ao shopping, compram o que gostam, (às vezes) trocam presentes e falam sobre sua vida, mas sempre rindo, seja do passado, presente ou das possibilidades de tudo der errado no futuro.

A verdade é que sim, é imprescindível a uma mulher viver amando e tendo com quem contar. Confiança, seja em si o em um(a) amigo(a), tem que ser recíproca e única; se é segredo, levarei até o caixão e ponto final. E é tão lindo quando se tem amizades para a vida inteira! Eu, graças a Deus, tenho e não é só uma, são duas! Minhas duas irmãs que meu coração não nega, feliz bodas de renda!

Ana Luiza Pereira
Texto dedicado às minhas amigas Caroline Cantilho e Celina Azevedo pelos nossos 13 anos de amizade.

1 comentários:

caroline disse...

muito lindo minha batatinha frita!!

Postar um comentário

Comenta, por favor!