Reflexão sobre mudanças internas

Ninguém sabe ao certo responder a pergunta "Quem sou eu?", mas eu concordo com Clarice Lispector que responder a pergunta "Se eu fosse eu, o que eu sentiria e faria?" é bem mais difícil. Quem locomove as mentiras no qual se acomoda, porque tem medo de mostrar quem realmente é, apenas para responder uma única pergunta; esta pessoa está a um passo da mudança interna do ser humano. Tudo tende a mudança, mas mudanças internas começam por coisas simples, porque tudo é simples (ao menos quando se é criança) mas nós mesmos temos a tendência de complicar tudo.

Ana Luiza Pereira

0 comentários:

Postar um comentário

Comenta, por favor!