Lembranças


Não sei o que escrever aqui, não ao certo. Digo aqui que perdi as esperanças uma, duas vezes… E sei que perderei mais. Mas deixemos a racionalidade de lado, o coração é que vale e falo com ele quando digo: nunca hei de esquecer nada, bom ou ruim, das pessoas que amei. Elas podem ser o que for durante todas as suas vidas, mas continuarão especiais para mim… Não me julgues, estais sendo hipócrita. Ou vais dizer que se esquecera do seu primeiro beijo? Do seu primeiro amor? Eu sei que não. Eu sei que você guarda essas lembranças com muito prezar. Eu sei que, às vezes, só às vezes, você quer que elas voltem a ser a sua realidade. Mas não… São apenas lembranças. Você se remói com elas? Ou chora? Se alegra? Não importa, o que importa é que você tem que ter a consciência que o seu passado foi bom (ou ruim) com você, mas você pode construir um futuro bem melhor que as suas lembranças.

Ana Luiza Pereira

1 comentários:

Caroline Sberse disse...

quando deixamos coisas ruisn concerteza contruimos futuro melhor que lembranças *-*

lindoo lindo blog uma fofura mesmo
seguindo
bjbj

http://pequenamasgrandemulher.blogspot.com/

Postar um comentário

Comenta, por favor!