Eu queria...


Eu queria... Estar no aconchego dos teu braços. Eu queria... Poder-te beijar no calor do teu afago. Eu queria... Mas por que quero coisas que não posso ter?

Eu tenho culpa. Culpa de te amar, culpa de te querer, culpa de sonhar contigo todos os dias, culpa de te culpar...

Sou egoísta. Quero, só para mim, seus beijos, abraços, suas lágrimas, seu corpo, seus sonhos... Eu quero você.

Mas você parece tão distante e surreal. Parece uma linda visão de oásis no meu pequeno deserto mental. 

Tenho medo de acordar e ver que você não está do meu lado, ver que estou sozinha, que sou fraca e que tenho que prosseguir sem aquele que me fortalece: você. Tenho medo do sonho virar, de alguma forma, pesadelo e que meu conto de fadas tenha um fim grego.

Sei que tenho culpa, a possessão e o ciúmes são formas de marcar em placas de neon que você tem dona. Isso cansa, eu sei. Bem que eu queria fazer isso, mas se você criar asas e voar para longe? Não aguentaria ver-te ir quando preciso ficar a chorar. Então, por favor, apenas lhe peço: não esqueça das lágrimas que derramei, talvez, em vão por você.

Ana Luiza Pereira


Foto de cima: Tirada por Fernanda Cid (http://www.fernandacid.com/)

2 comentários:

kaique Bruno Boga disse...

entendi pq vc naum queria q eu lesse :S

><

Caixinha de música da Lily disse...

adoreeei o gatiinho *..............*²

Postar um comentário

Comenta, por favor!