Como uma criancinha triste...



Eu me separo, vocês não percebem
Eu grito, vocês não me ouvem
Eu peço, vocês não fazem
Eu faço, vocês copiam
Eu me importo, vocês não estão nem aí

Vocês se importam comigo?
Vocês ligam para mim?
Por que não me ouvem?
Por que fazem isso comigo?
Eu fiz algo de errado?

Eu simplesmente me sinto insignificante
Às vezes, apenas preciso de gestos simples
Sabe? Apenas um convite para uma conversa descontraída
Apenas um convitezinho
Mas vocês parecem que não percebem minha necessidade
E deixa-a passar como se não fosse nada,
Mesmo que para mim seja tudo.

Sou uma criança, as vezes fico no meu canto esperando
Um pequeno gesto, um pequeno convite.
Mas nada acontece
E isso me entristece
Tenho que sempre procurar ser 'amada' por quem parece não se importar
É chato! É irritante! Incomoda!
Me entristece...

É por isso que me isolo,
É por isso que me rotulam...
É por isso que sou a boba que vocês tanto desmerecem.

Ana Luiza Pereira

3 comentários:

Caixinha de música da Lily disse...

sorry baaby ;S U're veery important for me darly ;)) I loooove u

˚◦Nique disse...

Oi Ana... Sei q não me conhece. Afinal, conheço o seu Blog por acaso, mas gosto muuito dos seus posts.
E me identifico muito com a maioria deles.
Bjs de uma nova fã
xD

Gabriel Hunter disse...

sério dessa vez foi bem fundo... não sei se foi pensando em mim sei lá mais de qualquer forma me sinto assim as vezes, como uma criança,meio solitário e triste

Postar um comentário

Comenta, por favor!