Crítica à Liberdade


            Liberdade. Palavra abstrata que todos buscam...
            Afinal, o que é liberdade? Por que buscamos algo tão abstrato se nem ao menos temos certeza do que é?
            Talvez essa “liberdade” se caracterize por simples atos. Sorriso de felicidade, o vento a esvoaçar seus cabelos, o mar a lamber sua perna.
            Ou talvez esta “liberdade” se caracterize por atos inconsequentes feito por aquele idiota que não pensa que este poderá fazer quem te ama sofrer, parar de confiar em você ou até mesmo requerer muita de sua atenção no resultado.
            O fato é que a liberdade é ilusória. É uma simples borboleta a voar na sua frente.
            Estamos presos é pelo padrão de uma sociedade tosca e mesquinha. Somos marionetes de uma sociedade grotesca que nos faz pensarmos que temos a santa liberdade para fazermos o que bem entendermos, mas quando é na verdade, um pensamento padrão que nossos pais plantam enquanto ainda somos pequenos bebês a falar “Gu-gu dá-dá”.
            As linhas do destino nos fazem marionetes da sociedade. As linhas não se rompem, apenas mudam de lado.

Ana Luiza Pereira


Foto: Lady GaGa no clipe Alejandro.

2 comentários:

Heliene disse...

isso ai e realmente verdade concoro plenamente

larissa santos disse...

uau O.O

Postar um comentário

Comenta, por favor!